quarta-feira, 18 de maio de 2016

Resenha - O Hobbit

Boa tarde! Hoje vim falar de um livro conhecido por quase todo mundo, um livro que eu queria muito ler depois que vi os filmes e me apaixonei: O Hobbit.
Escrito por J. R. R. Tolkien, com sua primeira publicação em 1937, O Hobbit antecede a história de O Senhor dos Anéis e conquistou uma legião de fãs pelo mundo desde então.
Eu conheço a obra a bastante tempo, apesar de só agora ter lido de fato o livro.
Existem diversas versões desse livro, afinal é uma obra antigo e traduzido em muitas línguas, mas a versão comemorativa de 75 anos foi a que eu mais gostei e decidi comprar. Existem também outras versões com a capa bem bonita.
A capa é dura e muito bonita, as folhas são amareladas e bem grossas e contém diversas ilustrações do próprio Tolkien, as quais eu amei muito e pude viajar ainda mais profundamente na história.



Bilbo Bolseiro é um hobbit que leva uma vida tranquila e pacata na sua casinha bem abastada no Condado. Se tem uma coisa que Bilbo não gosta são aventuras, pois contrariaria todo o seu estilo de vida. Mas é justamente essa proposta que Gandalf, o mago, leva até a sua porta.

Ilustração de Bilbo Bolseiro em sua casa, por Tolkien

Acompanhado de treze anões: Dwalin, Balin, Kili, Fili, Dori, Nori, Ori, Oin, Gloin, Bifur, Bofur, Bombur e Thorin Escudo de Carvalho, Gandalf convida Bilbo para uma expedição, onde o plano é recuperar o tesouro na Montanha Solitária, onde outrora reinara Thrain, o Rei Sob a Montanha. Thorin, filho de Thrain, neto de Thror, é o líder dessa equipe e seu maior desejo é derrotar Smaug e retomar o tesouro e a fortaleza de sua família que foram roubados pelo dragão.

Ilustração de Smaug feita por Tolkien
 Bilbo, os anões e o mago passam por grandes aventuras envolvendo trolls, lobos, aranhas, orcs e barris. O trajeto até à montanha é lento e sofrido, mas juntos eles conseguem passar por diversas situações e Bilbo mostra ser bem mais do que um bom ladrão e assim eles descobrem o verdadeiro valor da amizade.

Personagens adaptados para os filmes
O livro é ótimo, li rápido e me fez ficar com uma vontade imensa de ler a trilogia de O Senhor dos Anéis, os quais pretendo comprar em breve. Estou até assistindo os filmes novamente porque a leitura do livro realmente faz a gente querer ver o filme. Eu gosto bastante dos filmes, são bem produzidos e eu sou apaixonada pela fotografia.
A história é excelente e esse clima de terra média me envolveu de uma forma inacreditável. ♥

Espero que tenham gostado da resenha, boa leitura!

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Resenha - Evangelho de sangue

Bom dia gente! Hoje vim trazer uma resenha um pouco atrasada, já que terminei a leitura do livro na semana passada. Mas enfim... hoje vou f...