domingo, 8 de maio de 2016

Resenha - O Demonologista

Olá à todos! Hoje vim resenhar um livro que eu estava muito ansiosa para ler desde o seu lançamento e que finalmente li. Trata-se de O Demonologista, de Andrew Pyper, publicado em 2015 pela editora Darkside. <3
Antes de mais nada, não dá pra falar da história sem antes falar dessa edição lindíssima da Darkside. Gente, nunca tinha visto um livro com um acabamento tão lindo e tão cheio de detalhes. A textura da capa é aveludada e a lombada imita a de um livro velho. Enfim, esse livro é maravilhoso, tenho orgulho de ter ele na minha estante. *-*
O Demonologista é bem estilo Dan Brown, o que achei ótimo, pois boas influências são sempre bem-vindas.


O Demonologista conta de história de David Ullman, um professor da Columbia, especialista em mitologia e narrativa religiosa judaico-cristã, mas principalmente na obra Paraíso Perdido de John Milton.  David é ateu tanto na figura de Deus como na do Diabo. No entanto algo acontece em sua vida que o faz duvidar da sua "certeza".
Ullman recebe a visita da "Mulher Magra" em seu escritório da universidade, convidando-o a ir à Veneza para estudar um caso. O que parecia um passeio comum com sua filha Tess na Itália, se transformou em um divisor de águas na vida de David.
Em Veneza, David testemunha um homem preso em uma cadeira, com um comportamento e voz estranhos, mas na realidade quem estava presente nesse corpo era o Inominável. David registra tudo em uma câmera digital, passando assim a possuir provas da existência desse maligno ser e a ser perseguido por esse mesmo motivo.
O Perseguidor, a mando de seu senhor, tenta a todo custo possuir as provas que David guarda no cofre de um banco, mas David não abre mão assim tão facilmente. 


O Inominável se apodera do corpo de Tess, levando-a a morte. No entanto, seu corpo nunca é encontrado e David inicia uma jornada em busca de sua querida filha, afim de salvá-la do inferno. Nessa busca, ele tem a ajuda de O'Brien, sua melhor amiga, e juntos passam a desmistificar a figura do diabo.
Seguindo pistas e encontrando almas perdidas em diversos locais, além de trechos enigmáticos de Paraíso Perdido, ele se entrega de corpo e alma a esse desafio jamais imaginado por ele.

Eu gostei bastante desse livro, pois além da história, ele me trouxe uma série de reflexões à cerca da vida, da morte, das pessoas, das crenças, da falta delas, etc. Enfim, vale muito a pena a leitura.

E é isso, boa leitura para todos! :)

Nenhum comentário:

Postar um comentário