quinta-feira, 30 de outubro de 2014

Resenha - A Noite dos Mortos-Vivos e A Volta dos Mortos-Vivos

Boa noite gente!
Hoje estou suuuuper empolgada com esse post!!!
Já faz um tempo que comprei esse livro e só agora consegui ler, e amei MUITO. ♥
Bem, como já deu para ver no título, se trata de A Noite dos Mortos-Vivos e A Volta dos Mortos-Vivos. Sim, são dois em um. Metade com metade.
E pra começar, eu tenho que falar para vocês sobre a DarkSide. Gente, essa editora já está no meu coração. É totalmente brasileira e foca no tema de livros que eu mais gosto: terror. Os livros são lindos, bem acabados, cheios de detalhes, a editora realmente capricha nos seus trabalhos. Só pra avisar, não tenho nenhum vínculo com eles, mas o que é bem feito, merece ser elogiado.


Outra coisa bacana dessa editora é que eles fazem geralmente duas versões de cada livro. Uma de brochura comum e outra de capa dura. E nenhuma deixa a desejar. A minha versão é a comum. A capa tem uma textura aveludada, como as capas de As Crônicas de Gelo e Fogo, e são muito lindas. Eu amo essas capas.
Mas ok, chega de propaganda gratuita e vamos ao conteúdo do livro! (aleluia!)

Esse romance, escrito pelo John Russo, foi baseado no filme de George Romero de 1968, um dos primeiros filmes de zumbi consagrados na história do cinema. Indico que assistam, é muito bom.


Bem, vamos lá...

Bárbara e seu irmão Jhonny vão ao cemitério visitar o túmulo do pai e se deparam com uma criatura humanóide, aparentemente normal. A partir desse momento, Jhonny é atacado e Bárbara se vê numa situação desesperadora e consegue fugir da criatura estranha até uma casa próxima do local. 
Após algum tempo, Ben, também refugiado, entra na casa e passa a proteger Bárbara e a si mesmo, colocando barricadas nas portas e janelas do local abandonado.
Posteriormente, eles descobrem que tem mais gente na casa: um casal com uma filha e dois jovens namorados. Também descobrem uma televisão, onde passam a acompanhar noticiários sobre a situação de emergência que está ocorrendo. Começam então a ter desentendimento entre os personagens, Ben querendo permanecer dentro da casa, e o Harry Cooper no porão. No entanto, é no porão que ocorre o que ninguém espera!

Gente, se vocês são do time dos zumbis lovers, vai amar o livro. Além de ter os nossos queridos mordedores, temos uma narrativa gostosa, que não cansa para ler. O livro contém imagens do filme e eu simplesmente adorei. E só para constar, a história é bem fiel ao filme.





Na metade do livro, temos uma continuação bem interessante da história. Em A Volta dos Mortos-Vivos (Não confundam com a comédia trash), a história ocorre dez anos após a situação de emergência do primeiro livro. 


A situação se repete novamente... Os mortos retornam a vida e só querem uma coisa: carne humana fresca. Bert Miller e suas três filhas moram em uma casa no campo e é atacado por um pequeno descuido de uma delas ao tentar fugir de casa. Após esse episódio, as garotas são assaltadas e Karen, grávida já começa a sentir contrações fortes.
Mc Clellan, o xerife, se vê em mais uma situação onde os mortos-vivos atacam, e tenta a todo custo salvar a vida das meninas, inclusive o bebê de Karen. 


O finais das duas histórias são surpreendentes, garanto. É leitura obrigatória para os fãs de zumbis e terror.

Boa leitura e bom filme também!

terça-feira, 21 de outubro de 2014

Resenha - A Queda do Governador - Parte Um

Boa tarde gente!
Como eu havia dito, vou ler dois ou três livros pequenos antes de iniciar o gigante, imenso e infinito A Tormenta de Espadas do George Martin. Então como já terminei o primeiro, vim resenhar para vocês. E o escolhido foi o terceiro livro inspirado na série The Walking Dead que eu amo muito, muito, muito. <3



Bem gente, o terceiro livro, chamado A Queda do Governador - Parte Um, é mais curto que os outros dois anteriores. Eu adorei os dois primeiros, principalmente o primeiro, porque nele passei a entender a origem do Philip Blake, ou simplesmente governador.
Outra coisa que vale ressaltar é que os livros são mais inspirados na série The Walking Dead do que baseados nela. Isso acontece porque no livro, vemos personagens que não existem na série, com exceção do governador. No primeiro livro temos a origem do Philip Blake, no segundo temos contato com personagens novos que não aparecem no primeiro livro, e o terceiro é uma continuação do segundo. Mas a grande novidade é que três personagens muito queridos da série e HQ dão o ar da graça na história. São eles Rick, Glenn e Michonne. Entretanto, a figura do governador está sempre no auge, como vilão.

Vamos entrar mais na história...

Lilly Caul está isolada e abatida após a morte de Josh e se sente em um inferno em Woodbury com as atrocidades e loucuras insanas que Philip Blake continua a fazer na cidadela para passar o tédio de seus moradores. Mordedores são mantidos aprisionados e são alimentados com corpos decepados. Eles são usados nas batalhas presos em correntes, onde duas pessoas lutam fingidamente para agradar à plateia que assistem horrorizados aquele espetáculo, mas principalmente para agradar ao governador.


 Em uma das caçadas rotineiras na busca por mantimentos, Lilly e outros moradores, inclusive Austin Ballard, um jovem de 22 anos que se interessa por ela escutam um barulho estranho e descobrem que um avião caiu ali nas redondezas. Após irem ao local e levarem as vítimas a Woodbury, eles mão podem prever os destinos das pobres criaturas...
Um momento mais tarde, três visitantes já conhecidos por nós, aparecem em Woodbury e são sujeitos a muita tortura. Rick, Gleen e Michonne passam a conhecer o joguinho doentil do governador e tentam a todo custo fugir daquele inferno.

Bem gente, a resenha é pequena, mas como já falei, o livro é bem curto. Mas apesar disso, eu indico muito. Inclusive os anteriores. A linguagem é super tranquila e a narração é bem atrativa. Quem acompanha a série, vai adorar os livros com toda certeza. E pra quem já leu, nem preciso dizer que é uma obrigação assistir a série né? Ainda mais agora que já iniciou a quinta temporada. *-*

Boa leitura e cuidado com os zumbis. ;)


sábado, 11 de outubro de 2014

Resenha - As Crônicas de Gelo e Fogo - A Fúria dos Reis - Livro Dois

Bom dia gente!
É com muita alegria que venho finalmente resenhar o segundo livro das Crônicas de Gelo e Fogo, do George R. R. Martin. Se você não viu a resenha do livro um, clique aqui. 
 Demorei um pouco para ler, por conta do pouco tempo e também pelo tamanho do livro, mas aqui estou para falar sobre esse livro tão lindo e com um conteúdo maravilhoso. *-*
Bem, A Fúria dos Reis segue o mesmo padrão de A Guerra dos Tronos, então a capa também tem a textura aveludada e emborrachada. Muito bonita, por sinal. :)
Lembrando que também tem a outra versão, a pocket, que também é bem legal.


O livro é maior que o anterior, mas igualmente fascinante. A narrativa também é ótima, de fácil entendimento, e para quem já leu o primeiro, com certeza terá ainda mais facilidade para ler esse livro. Eu, pelo menos, já estou super acostumada com a narrativa do George Martin. :)
Vamos adentrar um pouco no seu conteúdo...

Um cometa vermelho aparece no céu de Westeros, fazendo com que cada um tire suas próprias conclusões sobre o seu significado. Para algúns, vida, esperança... Para outros, morte e escuridão.
Após a morte de Robert Baratheon, se inicia um grande desejo entre os reis de conquistar o trono, cada um com seus motivos. Stannis Baratheon e Renly Baratheon, irmãos de Robert, se tornam inimigos, a partir do momento que o trono se torna o maior objetivo de ambos. Stannis se entrega a uma nova religião e passa a seguir conselhos de uma sacerdotisa chamada Melisandre, a Mulher Vermelha. Segue então uma batalha com os Lannister que faz juz ao título do livro, onde o fogo vivo é uma das principais armas utilizadas e a fúria o grande incentivo.


Robb Stark, o novo Rei do Norte, junto com seus vassalos, se unem em batalha e capturam Jaime Lannister, na tentativa de salvar suas irmãs e vingar a morte do pai.
Theon Greyjoy volta para Pyke, após dez anos vivendo como prisioneiro em Winterfell , e tenta a todo custo mostrar para seu pai, Balon Greyjoy, que ele continua sendo um homem das Ilhas de Ferro, cometendo assim barbaridades para com aqueles que o criaram bem durante tanto tempo.
Daenerys Targaryen, junto com Jorah Mormont e seus companheiros de sangue, seguem o cometa vermelho em busca de algum local onde possam conquistar navios e homens. Daenerys, mãe de dragões, quer dessa forma conquistar o trono, que é seu por direito.
Arya Stark chega em Harrenhal e tenta a todo custo de livrar daqueles que a maltratam.
Bran Stark se descobre especial, com um poder para lá de fantástico, dessa forma podendo ver em seus sonhos verdes o que ainda estar por vir...

 E é isso gente, espero que tenham gostado e que essa pequena resenha tenha incentivado vocês a lerem esse livro e continuarem até o fim da coleção.
Outra coisa que quero falar para vocês é que vou ler três livros pequenos antes de iniciar o terceiro das Crônicas de Gelo e Fogo. Acho interessante essa intercalada porque o terceiro livro é gigantesco, então para não ficar presa apenas nessa série, decidi que vou fazer isso. Então teremos mais três resenhas de livros em breve! Fiquem de olho aberto. :)

Até mais e boa leitura!







sábado, 4 de outubro de 2014

Dica de Jogo para Android - Gartic

Olá pessoal, bom dia à todos!
Já tem três dias que descobri um jogo para android muito viciante, então decidi compartilhar com vocês.
Trata-se de Gartic, um jogo que consiste em fazer desenhos para os outros adivinharem. Vi sobre esse jogo pela primeira vez no canal Coisa de Nerd e em seguida, procurei na Play Store se tinha para android. Lembrando que o Leon joga no pc mesmo, mas o post é para mostrar a versão android do jogo.
Se você quiser conhecer a versão para pc, clique aqui.


Na versão para android, você entra, coloca seu nome de usuário, escolhe um ícone e depois escolhe uma categoria.



 Em seguida, você entra numa sala e aí já inicia o jogo! As pessoas que estão na sala irão, cada um, fazer desenhos, e seu papel é adivinhar o que estão tentando desenhar, e assim ganhar pontos. Lembrando que ser mais rápido faz você ganhar mais pontos.


E vocês, já conheciam esse jogo? Gostam dele?
Eu estou viciada, haha! :)



Resenha - Morte: Edição Definitiva

Bom dia gente! Hoje vim resenhar uma HQ maravilhosa, cativante, linda e perfeita! Sim, é isso tudo mesmo e muito mais. A Morte é um dos meu...