domingo, 24 de agosto de 2014

Resenha - As Crônicas de Gelo e Fogo - A Guerra dos Tronos - Livro Um

Bom dia gente!
Hoje vim trazer pra vocês a resenha desse livro tão perfeito e aclamado que é As Crônicas de Gelo e Fogo - Livro Um.


Bem, como todo mundo sabe, os livros da série " As Crônicas de Gelo e Fogo", do George R. R. Martin que deram origem a série tão aclamada da HBO Game Of Thrones.
Até o momento já têm cinco livros e quatro temporadas. Os livros possuem duas versões, a normal, com orelhas e folhas grossas e amareladas e a versão pocket, que vem em um box muito bonito, no entanto com folhas mais finas e brancas. No meu caso, comprei a versão normal mesmo.
Eu assisti a série antes de ler algum dos livros, então não tive surpresas nem nada do tipo. O livro um retrata a primeira temporada, nada além disso.


Achei a história muito bem narrada, de forma que o leitor não tenha dificuldades para compreender.
Martin consegue prender a atenção do leitor, descreve muito bem os fatos e os personagens neles inseridos.
Não sei em relação aos outros livros, mas a primeira temporada da série foi muito fiel ao primeiro livro.
Todas as minhas dúvida perante a série foram sanadas pelo livro, onde tudo fica mais fácil de entender.
O Livro um narra muito bem sobre diversas casas, como Stark, Lannister, Arryn,Tully, Baratheon, etc.
Cada casa tem seu lema, e isso podemos notar fortemente na leitura. Cada capítulo leva o nome de um personagem, se passando assim a narração no ponto de vista de cada um deles.
Bem, mas vamos entrar um pouco na história em si...

Ned Stark, da casa Stark, é convidado pelo Rei Robert, da casa Baratheon, a ser mão do rei após a morte de Jon Arryn, antiga mão. Ned então aceita e passa a viver nas fortalezas do rei com suas duas filhas, Arya e Sansa Stark. No entanto, Ned, um homem que acima de tudo é honroso e honesto, descobre algo que pode gerar uma grande guerra entra as casas.

Gente, é um livro muito bom, indico para todo mundo que gosta de histórias medievais com dramas, guerras e romances. E se você ainda não conhece a série, também indico. É meio que uma obrigação assistir e ler os livros. kkkkkk

Certo dia encontrei em uns sites uma ideia muito bacana que é a de fazer o seu próprio marcador de livros. Ou seja, você pode ter um marcador exclusivo e que é a sua cara. Eu fiz dois com a temática de Game Of Thrones, um da Casa Stark e outro dos Targaryen. Peguei as imagens no google, editei no tamanho certo pelo Corel Draw, imprimi e mandei plastificar. Veja como ficou: *-*


E é isso gente! Em breve farei resenha do segundo livro. :)
Boa leitura a todos!

quinta-feira, 14 de agosto de 2014

Dica de Livros - Ecos da Morte / Desejos dos Mortos

Boa noite galera!
Hoje vim trazer para vocês mais uma dica de livros, e dessa vez trouxe os dois primeiros livros de Ficção Fantástica da Série The Body Finder da escritora americana


Violet Ambrose, uma adolescente que tem um dom secreto no mínimo muito mórbido. Ela consegue sentir a presença de corpos.  Ruídos, cores, cheiros. Sim, isso mesmo. Porém, somente no caso de vítimas assassinadas. Violet é melhor amiga de Jay Heaton desde a infância e se descobre apaixonada por ele. Jay corresponde ao sentimento de Violet e daí surge um romance, de forma que Jay se pega em situações bastante complicadas para ajudar e salvar a namorada. 





No primeiro livro, Ecos da Morte, mostra o início de tudo, desde a descoberta do dom de Violente na sua infância e a presença de animais mortos enterrados que a mesma sentia.
Na pequena cidade onde se passa a história, ocorre uma série de assassinatos e Violent sabe que ela é a única que pode ajudar a desvendar esse mistério.
Já em Desejos dos Mortos, Jay começa uma grande amizade com Mike e Violet tem oportunidade de sobra para pensar e repensar sobre o que, afinal, está fazendo seu namoro dar errado. Daí ela começa a investigar a vida de Mike e diante da trágica história familiar do garoto Violet se depara com uma verdade capaz de colocar todos eles em extremo perigo. 
Gente, vale muito a pena ler.
No entanto, é com tristeza que tenho que falar que há somente os livros 1 e 2 nas versões traduzidas para o Brasil, sendo que a série já fechou com quatro livros. O terceiro e o quarto são respectivamente O Último Eco e Silêncio Mortal e é muito chato iniciar uma série e não poder ir até o fim. É muito broxante. :(
Quando comprei os dois primeiros, não sabia disso, então minha alegria gigantesca deu lugar a grande decepção.
Mas enfim, dá pra ler os dois livros de boa porque cada um tem o seu desfecho, independentemente dos outros. Mas seria sim maravilhoso ler todos. Vamos ficar na torçida para que sejam lançadas as versões traduzidas.

Boa leitura!

sábado, 9 de agosto de 2014

Dead Space 2 - O que achei!


Boa noite a todos! Agora que estou "quase" de férias, poderei postar com mais frequência aqui no blog. :)

Bem, o último jogo que finalizei foi o fodástico e perfeito Dead Space 2. Eu estou até agora maravilhada com esse game. Ele me atendeu em todos os requisitos que procuro nos games. A EA foi foda! *-*
Pra quem já jogou o primeiro da franquia, pode ficar ainda com mais expectativa porque essa sequência segue a mesmo sistema do primeiro, só que pasmem, ainda melhor! Sim, os gráficos são ótimos, o efeito de sangue fica ainda mais legal. É sem dúvida mais assustador que o primeiro, com um suspense de tirar o fôlego. A história também é boa e envolvente.
 Podemos rever alguns monstros do primeiro jogo, armas, e como já falei em outro post sobre DS 2, a grande novidade é que agora ele flutua em várias partes do game.


Esse monstro é bem legal, pra quem jogou o primeiro game, já sabe né? Basta atirar na bolsa amarela que ele carrega que ele explode e morre. Porém, tome cuidado para não explodir ele muito perto de você, senão você morre junto!

Esses bichinhos sempre aparecem aos montes e são bem rápidos. Acho eles parecidos com ETs. kkkkkkkkk

Em alguns momentos você tem que matar monstros de umas formas desconfortáveis, tipo como na imagem, de cabeça para baixo.

Mas sem dúvida esse ser aqui é um dos piores. No primeiro jogo, temos alguns monstros meio que imortais que você precisa atirar nas pernas para ele cair e ganhar tempo para sair correndo! Pois então, esse dito cujo aí em cima é um desses. E eu tenho um pavor maldito por eles.

Uma das coisas perturbadoras desse jogo é a visão que o Isaac tem constantemente de sua namorada morta. E no final do game, é exatamente ela que vamos enfrentar, numa cena bem sombria e forte.
Enfim, é um ótimo jogo!

Boa jogatina! :)

Resenha - Os Senhores dos Dinossauros

Olá gente, boa tarde a todos! Dessa vez demorei a postar, mas vou explicar o motivo do meu sumiço, certo?  Eu comecei a ler Os Senhores dos...